Em audiência pública realizada nesta quarta-feira (18) no Congresso Nacional, foram discutidas medidas a serem implementadas com o objetivo de reduzir a sensação de insegurança pública e melhorias nas condições de trabalho dos operadores. 

Na ocasião estiveram presentes, o vice-presidente da Associação Nacional de Entidades Representativas de Policiais Militares e Bombeiros Militares (ANERMB) e também presidente da Associação de Cabos e Soldados do Estado de Goiás (ACS), Sargento Gilberto Cândido de Lima, o presidente a Associação de Subtenentes e Sargentos do Estado de Goiás (ASSEGO), Subtenente Luís Cláudio de Jesus, juntamente com a Frente Parlamentar de Segurança Pública do Congresso, representantes de órgãos da Segurança, secretários e Comandantes Gerais.

Neste mesmo momento a ANERMB através de seus representantes juntamente com o Comandante Geral da Polícia Militar do Estado de Goiás e também presidente do Conselho Nacional de Comandantes Gerais, Coronel Silvio Benedito Alves, reuniram-se com os deputados federais eleitos pelas Polícias Militares e Civis para discutir pontos que se referem à atividade de Segurança.

O Sargento Gilberto Cândido de Lima agradeceu o convite recebido pela frente parlamentar e em nome da Associação apresentou propostas que trarão resultados positivos na atividade em relação à Segurança Pública para o país. Entre elas estão a aprovação imediata da PEC 24, que institui o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Segurança Pública e o projeto de lei que tipifica como hediondo crimes violentos praticados contra agentes da Segurança.

Na oportunidade, ainda foi reforçado o convite aos parlamentares presentes sobre o 10º Fórum Nacional das Entidades Representativas dos Policiais e Bombeiros do Brasil e a comemoração dos 20 anos de fundação da ANERMB, que acontecerá entre os dias 22 a 24 de Abril na cidade de Caldas Novas.