As obras para a realização do corredor preferencial para o transporte coletivo na Avenida 85 devem voltar a ocorrer a partir da próxima segunda-feira, conforme anúncio que será dado pelo prefeito Paulo Garcia (PT) na manhã de hoje. O cronograma será parecido com o que ocorreu no corredor da Avenida T-63, em etapas. Inicialmente, as mudanças serão em relação ao trânsito e ficarão a cargo da Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade (SMT), que também fará a sinalização e fiscalização das mudanças.

Todo o estacionamento na extensão da Avenida S1, que é a continuação da 85 após o viaduto com a Avenida T-63 no sentido centro-bairro, será proibido, o que já ocorre no restante da via. Além disso, a SMT vai requalificar os canteiros centrais com a intenção de proibir todas as conversões à esquerda, o que ocorre em quatro pontos da 85 e da S1. Os semáforos de três tempos serão retirados, tendo o motorista que realizar o looping de quadra para acessar a via paralela à avenida.

Em pelo menos dois pontos, a 85 passará por obras em virtude dos cruzamentos. Um deles é na altura da Avenida Mutirão, já que o fluxo de veículos na região é intensa, do mesmo modo que ocorre na entrada para a Avenida 136, no sentido bairro-centro. O cronograma das obras não estava definido até o final da tarde de ontem. Segundo apurou O POPULAR, apenas ontem a SMT soube do anúncio da obra para hoje e ainda estava finalizando o planejamento das execuções.

É possível que a proibição do estacionamento ocorra, mas a fiscalização seja feita apenas após um período de no mínimo 15 dias. Apenas em um segundo momento é que a fiscalização eletrônica será implantada, que é quando deverá ocorrer também as mudanças semafóricas, já que todos os aparelhos devem ser integrados. A última etapa será das obras estruturais, como a requalificação urbanística, com reforma das calçadas e canteiros centrais e implantação da ciclovia.

As duas primeiras etapas serão feitas com recursos da própria Prefeitura, mesmo que o Paço já tenha verba garantida da União para toda a obra, necessitando licitação para isto. A princípio, o planejamento da Prefeitura era, neste ano, realizar a licitação para as obras do corredor na Avenida T-7 e os demais seriam feitos apenas a partir de 2015. As propostas da licitação do corredor T-7 serão abertas no próximo dia 1º. O Paço decidiu, no início do mês, antecipar o início do corredor 85, com a justificativa de dar mobilidade às 15 linhas que passam pela via, considerada um dos principais corredores da capital.

Em dezembro de 2013, a SMT, então comandada por Patrícia Veras, havia anunciado que faria a reforma da sinalização da Avenida 85, com as adequações da via para a implantação do corredor preferencial do transporte coletivo. Em janeiro, Patrícia chegou a anunciar que o corredor ficaria pronto em março. A reforma, entretanto, não foi concluída sob a justificativa de estar em período chuvoso, em que o volume de águas era maior no período noturno, quando a pintura das faixas é realizada. A iniciativa não mais ocorreu e não estava prevista até então. No entanto, para este ano, apenas o corredor 85 deve ter suas obras iniciadas.

Fonte: O Popular